Projeto Diálogo

INFO VOICE DESIGN PD301slide_capa1Basic RGB

 

O Projeto Diálogo está fundamentado nos princípios, processos, metodologias, estruturas do Voice Design, área da conhecimento proveniente de estudos multidisciplinares sobre as relações que cada campo pesquisado tem com o universo do som produzido pela voz humana.

Numa tradução literal de Voice Design para o português é o Projeto da Voz.

A finalidade deste campo científico é subsidiar a viabilização plena da expressão vocal do indivíduo para fins comunicativos e nos contextos e circunstâncias comunicacionais.

Entre as áreas investigadas pelo Voice Design, estão: antropologia (estudo do homem), filosofia (especialmente a grega), linguística (fonação, fonética, prosódia), retórica, semiótica (estudo dos signos), programação neurolinguística, neurociência, neurosemântica, acústica, música, fisiologia, medicina, psicanálise, hipnose, arte cênica, storytelling, além de outras não menos relevante.

A expressão também pode ser compreendida como design + ação = designação da voz, o desenho da voz, a modelagem da voz, a engenharia da voz, a voz arquitetada, a ciência da voz, a voz consciente,

A voz é a marca do indivíduo.

Na raiz grega a palavra pessoa significa ‘por meio do som’. No espanhol persona, no inglês person.

Portanto, a pessoa é manifestada pelo som articulado que ela emite.

É como somos identificados e como nos identificamos com o mundo.

A estrutura do Voice Design baliza-se:

1) Na performance da condição melódica da voz sustentada pela estrutura na música instrumental e vocal, como timbre, frequência, entonação, tonalidade, altura, intensidade, amplitude, velocidade, volume, ritmo, harmonia, métrica, arranjo, nota e pausa, entre outros.

2) Num paralelismo com os pressupostos do design gráfico, como tonalidade, alinhamento e proximidade, aplicados analogamente ao universo do som produzido pela voz.

3)  Nos conceitos, fundamentos e processos do design instrucional, se constitui num aprofundamento de um dos seus pilares, o da instrução, compreendida como a atividade de ensino que se utiliza da comunicação para fins de aprendizado, bem como, do design, definido como resultado de um processo ou atividade com propósitos e intenções definidos, em termos de forma e de funcionalidade.

4) e especialmente o Design Thinking definido como um conjunto de ações táticas de como implementar estratégias baseadas no campo da economia criativa.

Para a formulação do Projeto Diálogo contamos com dois subtemas do Voice Design:

1) Brand Voice Design que trata da marca vocal da organização, a partir da marca vocal de seus componentes, devidamente identificados.

2) Voice Design Thinking uma junção entre Voice Design, o Projeto da Voz e Design Thinking, o Design do Pensamento, sustentado no tripé: Inovação, Empatia, Conexão.

O projeto compreende a construção de uma engenharia relacional que atenta a demanda da corporação, capaz maximizar a assertividade e promover afetividade geradora de efetividade que revele e clarifique a visão de futuro da companhia.

Trata-se do Projeto da Voz aplicado com o suporte do Design Thinking.

Entre os propósitos e ações do Projeto Diálogo relacionamos:

Implantar ações planejadas para promover o relacionamento interpessoal em todos os seus níveis,

Aplicar recursos de TI e Telecom disponibilize meios e ambientes virtuais e reais de integração entre os funcionários,

Criar campanha de mobilização pelo diálogo voltada a conscientizar da relevância dos relacionamentos saudáveis,

Promover a sociabilidade organizacional que gere melhoria nos relacionamentos interpessoais no ambiente de trabalho,

Estimular oportunidades de diálogo que gere comprometimento e potencializar a produtividade,

Construir pontes relacionais que promova resultados efetivos e afetivos entre os integrantes da organização,

Conceber a elaboração, gestão e produção de mensagens adequadas à necessidade específica de cada ação comunicacional,

Considerar objetividade ao usar uma linguagem direta, coloquial e conhecida do meio, oportunizando a interação do corpo funcional,

Promover vínculos pessoais aleatórios que beneficiem o clima organizacional,

Promover a valorização e o reconhecimentos dos servidores, com reflexos diretos na vida de cada um e dos seus integrantes, com repercussão junto aos públicos externos,

Estar com consciência plena durante ato comunicacional,

Criar um movimento contínuo, progressivo e sistemático nas relações pessoais de alta capacidade transformadora em prol do social.

Explorar o valor da palavra falada, da conversa, do diálogo,

Aprender e exercitar o papel de comunicador de cada servidor,

Aprimorar a habilidade de ouvir e arte de escutar,

Ganhar assertividade na comunicação.

Capacitar os diversos escalas de lideranças, enquanto agentes de comunicação.

Plano de Ação:

Realizar entrevistas oralizadas que revelem os aspectos voltados a pessoa do funcionários, quanto a percepção sobre as funções que realiza, o contexto que está inserido e os interesses pessoais e profissionais.

Estabelecer critérios para identificar os servidores alvo de entrevistas, considerando o perfil de cada integrante, o setor em que está lotado, as funções que desempenha e a disponibilidade em participar.

Determinar o tempo máximo de duração de cada entrevista, preservando a fluência e a coloquialidade das perguntas e respostas que gerem resultados efetivos para subsidiar as tomadas de decisões.

Fases:

  1. Estabelecimento de critérios de abordagem de entrevistas;
  2. Cronograma de entrevistas;
  3. Realização de entrevistas;
  4. Produção e edição dos conteúdos;
  5. Definição das estratégias e dos meios de comunicação;
  6. Veiculação e alternativas de disponibilidade das entrevistas para os seus públicos;
  7. Acompanhamento e análise a partir dos resultados auferidos junto aos entrevistados;
  8. Identificação dos grupos de interesse;
  9. Organização de encontros por grupo de interesse;
  10. Promoção de eventos gerais;
  11. Análise dos dados e elaboração de relatório sintético.

Canais:

  • Intranet
  • Podcast
  • Blog
  • Portal de voz
  • MMS
  • Rádio Web
  • Aplicativo
  • Rede Social

Formatos de Interação:

  • Grupos de Interesse:
    Dinâmicas de grupo, atentando as característica de cada área de interesse, visando fomentar o debate entre os participantes, capaz de gerar identidade coletiva entre participantes.
  • Roda de Conversa
    Atividade voltada ao compartilhamento de experiências sobre um tema definido pelo mediador do evento.
  • Volta na Quadra:
    Formação de grupos de dois a quatro participantes com a finalidade de tratar de assuntos definidos entre as partes.
  • Escuta fina: Atividades prática envolvendo exercícios de aprimoramento da escuta, capaz de gerar uma fala assertiva, consistente e de elevado grau de comunicabilidade.
  • Sarau de leitura: Leitura realizada em grupo, onde os participantes aleatoriamente fazem comentários, observações pertinentes e mesmo contextualizando na sua realidade.
  • Por dentro de mim:
    Trata de uma atividade voltada a comunicação intrapessoal, onde o participante busca a entender melhor do seu mundo interior, entre outros exercício, a realização de um inventário das suas palavras, reveladora das sua realidade, e identificar qual o modo de tratamento consigo mesmo.


Dinâmicas
:

Serão ministrados quatro momentos,

1) Identificar e registrar os contextos e circunstancias de cada participante na sua comunicação intrapessoal, verificando os temas predominantes, o modo do tratamento e de relacionamento consigo mesmo.

2) Identificar e registrar os contextos e circunstancias vivenciadas, a partir da primeira infância, sobre o que tenha sido dito em determinados momentos e que ativamente permanesse repercutindo na existência do indivíduo.

3) Identificar e mensurar o grau de capacidade de ouvir através da formação de duplas em que um dos participantes conta uma breve história para outro e este narra ao seu modo o que entendeu, o que será validado pelo contador da história.

4) Momento e estabelecer um diálogo entre os participantes, constituído de momentos de exposição de pensamentos breves seguidos de breves pausas, silêncios externo e principalmente interno com o propósito de possibilitar o exercício da exata compreensão do que foi dito e aumentar a capacidade de retenção do conhecimento.

Duração:

  • Total 12 (doze) meses

Benefícios:

  • Valorização de cada colaborador da corporação, acentuando o sentimento de pertencer a uma organização de boa história e de imagem atual,
  • Intercomunicação nos diversos setores/departamentos, para potencializar a produtividade e ampliar uma visão holística de todos colaboradores,
  • Oportunizar a participação dos colaboradores, motivando o compromisso com os resultados da corporação,
  • Minimizar os potenciais prejuízos causados pelo chamado “rádio corredor”,
  • Promover a transparência e sustentabilidade na gestão e estabelecendo a informação oficial,
  • Criar identificações para filtrar a validade dos produtos e/ou serviços que são destinados ao mercado,
  • Maximizar a retenção do capital intelectual na organização,
  • Registrar e documentos o conhecimento organizacional, a partir de abordagem das respectivas fontes,
  • Minimizar conflitos nas esferas judiciais,
  • Criar vínculos em todos os níveis da organização, a partir da formação de grupos de interesse,
  • Fortalecer a cultura organizacional, considerando a importância da comunicação interna informal,

 

Para agendar:

+55  (41) 3352-4000
+55  (41) 3352-1110
+55  (41) 9111-5151
jorgecuryneto@voicedesigninstitute.com